Tintoralba Selección, um tinto da Cooperativa Santa Quiteira (DO Almasa) e Julio B. Bastos Grande Reserva, outro tinto da Adega Dona Maria-Julio Bastos (DO Alentejo) foram os vinhos galardoados com o Gran Arribe de Oro em feminino após a celebração da XIV Edição do Concurso Internacional de Vinhos Prémios VinDuero-VinDouro 2018.

Os Prémios em feminino, foram atribuídos levando em conta únicamente a pontuação das mulheres do Comité de Prova e serão entregues durante o último semestre do ano.

Seguindo a linha da I Edição em feminino, na II, também foram atribuídos prémios apenas aos ouros, ou seja, aos vinhos com uma pontuação superior a 90 pontos, que serão entregues na Gala que irá decorrer sábado dia 17 de novembro em Pinhel, Portugal.

Nesta II Edição em feminino, XIV Edição dos Prémios VinDuero-VinDouro, destaca-se como peculiaridade a atribuição de Dois Grands Arribes de Oro em feminino, para dois excelentes vinhos que coincidiram em 97,00 pontos.

Trabanca, agosto de 2018.- Desde a Associação VinDuero-VinDouro tornou-se público, através da página web dos Prémios www.premiosvinduero.com, o Palmarés que contém o resultado das votações das mulheres que compunham 60% do Comité de Prova em Feminino 2018.

Os Prémios VinDuero-VinDouro são o maior concurso internacional de vinhos de Espanha e Portugal. Um evento de prestígio que a cada ano conta com um painel de prova de primeiro nível que valoriza os melhores vinhos de ambos os países e que nesta XIV Edição continuou com a II Edição em feminino devido ao êxito obtido o ano passado.

De forma adicional à estabelecida no Prémios Gerais, para atribuir os Prestigiados Galardões Arribe em feminino, são tidas em conta unicamente as votações das mulheres membros do Júri, cujos resultados nos trazem o Palmarés em feminino. Como novidade nesta II Edição dedicada à mulher, foram entregues 47 prémios, apenas para os ouros, ou seja, aqueles vinhos que alcançaram uma pontuação igual ou superior a 94 pontos. Além disso, foram atribuídos Dois Gran Arribe de Oro em feminino para os vinhos que coincidiram na pontuação, com um total de 97 pontos.

Os tintos com emvelhecimento Tintoralba Selección, da Cooperativa Santa Quiteria, pertencente à Denominação de Origem Almansa e Julio B. Bastos, da Adega Dona Maria-Julio Bastos, pertencentes à DO Alentejos, foram os vinhos espanhol e português, respectivamente, merecedores do Gran Arribe de Oro em feminino, coincidindo ambos com uma pontuação total de 97 pontos.

Por categorias, os Prémios em feminino atribuíram um total de 47 ouros, do quais, 14 medalhas foram para tintos sem envelhecimento, seguidos por outros 8 ouros para vinhos brancos, 6 para vinhos com menos de seis meses em barrica, 5 para brancos sem envelhecimento e outras 5 para vinhos generosos, 2 para espumantes, reservas e tintos reserva respectivamente e também um ouro para um vinho de autor, o qual terá uma menção especial durante a Gala de Entrega dos Prémios.

Em relação às Denominações de Origem, as Dos mais premiadas dos Prémios em feminino foram as Portuguesas Beira Interior e Douro-Porto com 6 galardões cada uma, seguidas com 3 medalhas para DO Bairrada, Ribera del Duero e Rias Baixas, com 2 medalhas temos Vinos de Madrid, Dão, Trás-os-Montes e Alentejo, com uma medalha de ouro para as Dos Almansa, Arlanza, Bierbo, Cava, Cigales, Conca de Barberá, Jerez, La Mancha, Málaga e Sierra de Málaga, Ribeira Sacra, Rioja, León, Toro, Valles de Benavente e as IGPs de Castilla, Castilla y León e Laujar-Alpujarra. Estes dados mostram o bom trabalho realizado pelos produtores destas regiões que se verifica na excelente qualidade dos seus vinhos e numa maior participação de vinhos de Portugal.

O Comité de Prova em feminino foi composto por 17 provadoras internacionais do mais alto nível (quadro segue em anexo na nota), com María Isabel Mijares – como presidente -, Adela Viscay, Aiping Chen Liu, Alexandra Silva, Alma García, Ana Alonso de Letamendia, Ana Urbano, Arminda Ferreira, Carmen Garrobo, Carla Tiago, Cristina Tierno, Helena Mira, Inês Salas, Mar Galván, Misericordia Bello, Patrícia Dos Santos e Sandra Sousa.

Os Prémios em feminino têm como objetivo colocar a mulher no papel representativo que merece dentro da cultura do vinho, um mundo que sempre esteve maioritariamente ocupado por homens, mas no qual o gênero feminino cobra um maior protagonismo e merece que seja reconhecido.

Junto com os Galardões Arribe, os Prémios em feminino serão entregues no sábado dia 17 de novembro em Pinhel, coincidindo com a afamada Feira Beira Interior: Vinhos & Sabores que se celebra durante esse fim de semana no município português. Durante a Gala, na qual participarão todos os produtores premiados, poder-se-á degustar como num Salão de Prova, todos os vinhos presentes na XIV Edição do Concurso e II em feminino.

Por último, a Associação VinDuero-VinDouro, organizadora do Certame, deseja agradecer a todas as adegas participantes e às diferentes Denominações Geográficas de Origem espanhola e portuguesa o seu apoio e confiança ao apostar mais um ano, ou pela primeira vez, neste Concurso Internacional e transfronteiriço que persegue o desenvolvimento da cultura vitivinicola e a aposta no conhecimento da grande qualidade dos vinhos que se produzem em ambos os lados da raia.

CATADORAS

                       

ADELA VISCAY

Técnica de laboratório e análise sensorial na Bodega Ribera de Pelazas. Produtora de Vinhos.

AIPING CHEN LIU

Empresária comercial importação-exportação de vinhos.

ALEXANDRA SILVA

Enóloga. Produtora de vinhos. Especialista em marketing de produtos vitivinícolas.

ALMA GARCÍA

Enóloga e gerente de produção em The Haciendas de España.

ANA ALONSO DE LETAMENDIA

Jornalista gastronómica. Membro da Real Academia de Gastronomía.

ANA URBANO

Engenheira Agrícola com pos-graduação em enología. Enóloga responsável de Vinhos do Porto – Caves Messias.

ARMINDA FERREIRA

Enóloga em Aliança Vinhos de Portugal.

CARMEN GARROBO

Sumiller. Mestre em viticultura e enología.

CARLA TIAGO

Bioquímica. Trabalha na Quinta de S. Luiz - Sogevinus Fine Wines.

CRISTINA TIERNO

Diretora-geral do Efecto Directo. Diretora de Comunicação e Marketing CRDO Ribera del Duero y García Carrión. Formadora. FIJEV.

HELENA MIRA

Professora na Escola Superior Agraria de Santarém. Mestre em Tecnología Alimentar.

INÉS SALAS

Engenheira Agrícola e Enóloga. Presidente da Rota do Vinho de Cigales e enóloga nas Adegas Hijos de Félix Salas.

ISABEL MIJARES

Química e Doutorada em Enologia. Especialista em Análise Sensorial. Consultora Técnica Principal da ONU no âmbito vitivinícola. Coordenadora do Guia Repsol. Vice-presidente da FIJEV

MAR GALVÁN

Licenciada em Enologia e Engenharia Agro-Alimentar. Engenheira Agrónoma. Sumiller e analista agro-alimentar. Elaboradora e Consultora. Jornalista de Vinhos.

MISERICORDIA BELLO

Sumiller e diplomada em protocolo. Presidente da D.O. Bierzo. Gerente de Adega.

PATRICIA DOS SANTOS

Licenciada em Enología. Enóloga consultora nas adegas do Dão e Beira Interior. Formadora.

SANDRA SOUSA

Licenciada em Enología. Enologa-Consultora nas Adegas Amável Costa (Porto).